Medicina Especialidade Acunpuntura

Um paciente de 42 anos de idade, servidor público, foi encaminhado ao ambulatório de acupunturiatria pela clínica médica, devido a cefaleia crônica. O paciente relata que há cerca de três anos apresenta cefaleia generalizada, difusa, em peso, com frequência média de duas a três vezes por semana; relaciona com estresse do trabalho e com alimentação mais pesada (fast food, frituras, carnes gordas). No interrogatório dirigido, relatou sensação de sonolência intensa durante o período da tarde, mesmo com sono aparentemente normal e em bom número de horas à noite. Ao exame físico, apresenta-se em bom estado geral, com sobrepeso, normocorado, anictérico; ausculta cardiorrespiratória sem alterações; PA igual a 140 mmHg × 90 mmHg; abdome normotenso, indolor, sem vísceras palpáveis; discreto edema de membros inferiores; língua normocorada com revestimento branco e aumentado; pulso radial tipo escorregadio (deslizante). Com base nesse quadro clínico, assinale a alternativa correta.

  • A.

    Em concordância com o diagnóstico pela medicina tradicional chinesa, as zonas neurorreativas de acupuntura classicamente indicadas para o tratamento são B 20, VC 12 (Ren 12), E 36, B 17, BP 10, BP 6.

  • B.

    Do ponto de vista do discurso da medicina tradicional chinesa, esse quadro clínico é classificado como relacionado à deficiência de Shen, gerando acúmulo de Tan Zhuo (mucosidade turva).

  • C.

    De acordo com o diagnóstico pela medicina tradicional chinesa, as zonas neurorreativas de acupuntura classicamente indicadas para o tratamento são IG 4, VB 34, F 3, R 3, BP 6.

  • D.

    Segundo o discurso da medicina tradicional chinesa, esse quadro clínico é classificado como relacionado a distúrbio de Pi, gerando acúmulo de Tan Zhuo (mucosidade turva).

  • E.

    Com base na medicina tradicional chinesa, esse quadro clínico é classificado como relacionado a distúrbio de Pi, gerando deficiência de Xue.